martes, 26 de abril de 2011

Sinais (Luan Santana), flauta doce

Notas da flauta doce na "Sinais" de Luan Santana cantor e compositor brasileiro de música sertaneja:

do* do* do* do* do* do* do* si do* --- Vi seu sorriso em meu sonho
do* do* do* do* do* do* do* si la la so| so| --- Segui seu rastro na areia do deserto
do* do* do* do* do* re* do* si do* --- Eu escutei sua voz ao vento
do* do* do* do* do* do* do* si la la so| la la --- Senti seu cheiro cada vez de mim mais perto

do* do* do* do* do* do* do* si la la so| --- E meio louco, meio obcecado
so| la so| so| fa --- Pra te encontrar
so| la so| so| la so| so| --- em algum lugar do mundo
do* do* do* do* do* do* do* si la la so| --- E mesmo sem nunca ter te tocado
so| la so| la so| fa --- Me pertencia
la si do* si la so| --- bem lá no fundo

refrão
si la --- sinais
do* do* do* do* si la la so| so| mi la --- me mostraram o caminho até você
do* do* do* do* si la la so| so| mi la --- Vagalumes guiam-me sem perceber
do* do* do* do* si la --- Que no fim da estrada
do* la mi* re* re* re* re* mi* mi* re* --- uma luz parece ser você

si do* re* mi* so|* fa* mi* re* do* do* --- sinais, me ajudaram a perceber
la do* la do* do* la do* --- o meu caminho é você
do* do* fa* mi* re* do* fa* mi* re* --- E ninguém no mundo vai fazer
do* fa* mi* re* do* si do* re* (do* si) --- eu me sentir de novo assim

si do* re* mi* so|* fa* mi* re* re* do* --- sinais, vindos de um lugar tão longe
si re* do* si re* do* --- às vezes se escondem
do* do* fa* mi* re* do* fa* mi* --- No farol em uma ilha
re* do* fa* mi* re* do* fa* mi* --- numa noite tão vazia
re* do* si do* re* --- eu beijei você
la fa* mi* re* do* do* --- Até o amanhecer

No hay comentarios.:

Publicar un comentario